CONTOS DE MINHA AVÓ

Depois da festa de fim de ano

Estou prestes a relatar algo que eu não poderia relatar² que aconteceu depois da festa de Ano Novo na casa de minha avó. A festa foi normal, como todos os anos, o que aconteceu depois que foi sinistro.

Neste ano depois que todos foram embora, lá para as duas da madruga, eu fiquei na casa da minha avó para ela não ficar sozinha, arrumei o colchonete na sala, mas não dormi, fiquei assistindo TV, para ser mais especifico, assisti “Quem vai ficar com Mary?” no Corujão. Até ai tudo tranqüilo. Minha avó no quarto e eu na sala.

Mas quando era quase cinco da madruga eu escutei um barulho:

“Tem alguém no quintal. Caraca mano… e agora?” – pensei.

Virei para minha avó e falei:

“Fica calma que eles vão embora.” (y)

“Relaxa MLK, que eu tenho uma arma…”

Por que minha vó teria uma arma? Mas tudo tava tranqüilo.

“Então pega a arma e vamos para a janela lá dos fundos para ver o que esta acontecendo.”

Minha vó saiu correndo, nem parecia que tinha 72 anos, e pegou sua arma. E Falou:

“Vou ficar de butuca aqui na janela enquanto você vai lá fora ver o que tá pegando, qualquer coisa grita que eu meto bala pra cima dos caras, e você desvia. Falo doido?!”

Continuar lendo

Anúncios