NOSTALGIA NERD #7

Saudades do Nostalgia Nerd? Eu também senti. E muita saudade mesmo. Por isso voltei, e voltei nervoso, com um jogo nervoso, que eu joguei nervoso, em um console nervoso, dado por um cara nervoso.  #voltei!

Certo dia um garotinho lindo (eu), de apenas oito anos de idade estava em sua casa com seu papai, sua mamãe e suas irmãzinhas, todos felizes. Mas o papai um dia deu um presentinho que mudou a vida desta linda família (a minha família, óbvio), o Master System com Sonic na memória (já falei isso), e duas fitas: R-Type e o jogo nervoso “Spider-Man: Return of the Sinister Six”. Como de costume, um jogo fantástico e lindo. *.*

O Jogo foi lançado em 1992 pela Flying Edge para Sega, porque para o NES a produtora foi LJN (aquela do arco-íris). Os detalhes técnicos como de costume falar, não vou falar até porque a capa diz tudo. Mentira minha, a capa engana qualquer um. Resumindo: o jogo é um lixo.

Tenho muitas lembranças ruins deste jogo, como por exemplo: em toda minha infância só fui zerá-lo há umas semanas atrás. O jogo é super difícil, e o gráfico (se é que posso chamar assim) é feio de mais, os bonequinhos parecem crianças halterofilistas super feias. E o nosso querido Homem-aranha também.

Esquecendo os dois parágrafos anteriores, vamos ao jogo fantástico e lindo dos dois primeiros parágrafos. O jogo todo se passa em Nova York, e você terá que passar por seis níveis diferentes e seis chefões diferentes, não é a toa que o nome é “O Retorno dos Seis Sinistros”.

Primeiro você passa fácil pelo Electro, as coisas pioram no esgota quando enfrentamos o Homem de Areia, mas também passamos vivos, depois passamos pelo laboratório do Mystério, aquele cara com cabeça de bola de cristal, neste ponto que as coisas pioram. Mas passamos, alive. Voltamos para as ruas de Nova York, com crianças bombadas surgindo do além com conhões com balas tunadas para enfrentar o Abutre, que é quase impossível.logo após vamos para o parque de Nova York enfrentar o impossível Duende Macabro, confesso que se não fosse o emulador não teria passado do Abutre, e se não fosse a minha insistência neste jogo não teria passado do Homem de Areiam, quanto mais ao “grand finale” contra ninguém mais ninguém menos que o Doutor Octopus, a maior mente criminosa de todas. E nós o enfrentamos em um castelo, em Nova York. Belo Castelo por sinal.

Vela lembrar que este jogo foi baseado em uma mini-série de quadrinhos do araquinídeo contra os o grupo intitulado Sinister Six, lançado no início dos anos 90.

Mas o porque fazer um Nostalgia para um jogo ruim como este? Você deve estar se perguntando agora, e eu respondo. Primeiro: ainda não zerei o Castlevania de PSX para escrever; e em segundo é a frase que aparece no final do jogo quando os Seis Sinistros estão reunidos valeu por tudo que eu passei.

“VICTORY! Spider-Man triumphs over the Sinister Six…”

Véy… na bao! Me senti o máximo. Feel like a boss!

Se queiras jogar, clique aqui.

@michellmendonca

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s